quarta-feira, 6 de julho de 2011

Repostando "Deus usa a solidão..", by @FerdyFonseca

Oi gente!
São exatamente 19:01!
Daqui a pouco, pego a estrada prá rádio, mas quis postar algo prá vocês!
Mas tava sem idéias!

Daí, resolvi dar uma olhada na minha timeline, no Twitter, para ver se alguns dos blogueiros que sigo tinha postado algo novo ou não!
Eis que meu amigo e irmão de caminhada, o Ferdy, postou!
Ele já "repostou" (ou seria "reblogou"?) alguns posts meus! E eu já fiz isso uma vez com ele também!
Acontece que gostei muito do texto que ele publicou hoje!

Escreveu sobre os aprendizados que tiramos da solidão!

Faz tempo que quero escrever algo mais ou menos sobre esse tema! Mas hoje, deixo isso à cargo dele!
O texto à seguir, foi publicado originalmente aqui!
A música, não está lá porque fui eu quem escolhi para colocar aqui no blog!
O que ele escreveu, me fez lembrar da Celina!

Ferdy, parabéns pelo belo texto!

Lembre-se: "Amar é perder para ganhar!" - Sei que sabe disso!

A música é prá você, amado irmão, que, assim como eu e tantos outros, estamos aprendendo no dia-a-dia a arte de viver sem o maldito apêgo à coisas e pessoas, que tanto nos assolou. E tantos fez sofrer.
Maria Santíssima passa  frente!


Há semanas que tenho dormido bem, sem insônia, sem sentir falta de nada nem ninguém..
Penso primeiramente que, enfim, DEUS decidiu que era a hora certa pra eu começar a  ser feliz.
E após esse interessante pensamento me vem à mente que talvez, e só talvez, eu esteja feliz porque nas últimas semanas eu não tive tempo de me dedicar na busca incessante
e frustrante da resolução definitiva de todos os meus problemas juvenis..
focando-me apenas nas almas que JESUS, o Cordeiro de DEUS, espera que eu ame.

Bem, de qualquer forma, prefiro pensar que o Retiro de Conversão do Grupo de Oração Cordeiro de DEUS desse final de semana, foi a forma com que o Bom DEUS me fez perceber que eu só consigo encontrar o equilíbrio quando esqueço de mim pra fazer alguém mais feliz que eu..
É meio paradoxal essa história de só conseguir ser feliz quando não se busca a própria felicidade, mas é assim que funciona.. ela só vem quando não a buscamos loucamente..

Nesses dias que passaram não busquei a felicidade, busquei somente a DEUS,
e como um milagre, fui sempre jubilante em tudo o que fazia..
sentia prazer em me gastar pela Igreja de uma forma que nunca senti..

E nessa noite fria, quieto, pensando naqueles que eu amo - no que fazem, em que estão se tornando, o que estou perdendo em suas evoluções - lembro de quanto tempo eu perdiamando da forma errada,
enquanto eu deveria me dedicar aos que mais precisam do colo de DEUS.
E assim vou aprendendo a dar valor àqueles que estão ao meu redor.. 

Sozinhos conhecemos aqueles que sentem nossa falta. Sozinhos aprendemos a distinguir aqueles que sempre nos amaram, daqueles que sempre usaram de nós para não encararem a solidão necessária ao amadurecimento. Sozinhos estamos mais abertos a saciar nosso vazio em DEUS. Sozinhos conhecemos até onde vai a nossa carência.  Sozinhos nos conhecemos.. porque DEUS não nos tira as coisas, mas sim, nos livra delas para que possamos nos conhecer, nos amar a assim conhece-lO e amá-lO também.

DEUS usa a solidão para nos ensinar sobre a verdadeira amizade.
Quando nos colocamos longe de tudo e de todos, mesmo que só de coração, descobrimos que sentimos falta de quem menos imaginávamos e que uma ou outra pessoa da qual tínhamos a certeza que não viveríamos sem, não faz tanta falta assim..
Fazendo a experiência do nada damos a chance de DEUS reconstruir nossa vida e nossa história do zero.. afinal, não tem como construir uma casa em cima de um monte de entulho.
É necessário esvaziar-se, purificar-se, livrar-se de tudo aquilo que é excesso
e te atrapalha ver a Nosso Senhor..

E em relação a amizade, percebemos que quando temos um amigo verdadeiro, nunca nos sentimos sozinhos.. mesmo longe, mesmo impossibilitado, mesmo incomunicável.. um amigo de verdade nunca se permite estar ausente.

Sentir saudades é diferente de sentir-se abandonado..
e quando há abandono, não há sentimento.

JESUS soube bem o que é isso quando ultrapassou o limite da solidão, experimentando o abandono do PAI, e a ausência total de Sua Presença e de Seu Amor para com Ele.

Estar sozinho não significa ser infeliz.
Mas sim, uma oportunidade dada pelo ESPÍRITO SANTO de amar a todos sem aprisionar.

Vivo dias de espera, de sacrifício, de serviço contante.. e de solidão.
Portanto, esse é o momento de eu encontrar aquele tipo de cura e de paz que só podem vir da experiência do amor de DEUS através da solidão e do abandono de todas as criaturas.

Que JESUS, o Esposo Adorado, abrase todos os corações que desejam a irmã solidão como companheira de exílio, que temem chegar ao fim e só encotrar o silêncio de uma vida sem DEUS, e tudo o que faltou ser..

seu irmãozinho, †M



Postar um comentário