sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Sobre um monte de coisa e sobre nada ao mesmo tempo!

Fico maravilhado com esses autores e autoras que conseguem criar histórias, contos e personagens a rodo, sem perder o jeito!

Já escrevi aqui e em outros blogs também (acho) que quando criança, pensava que, no dia que eu tivesse minha "Ollivetti", escreveria livros e livros...

Hoje, com meus 33 anos e dois empregos, não tenho tido tempo nem pro meu Twitter.

Aliás, não fosse pelo smartphone, estaria muito mais longe da vida digital.
Ahan. 
Sei que é muito melhor estarmos com as pessoas fisicamente. 
Podemos dar aquele abraço! Tocar... Aliás... Não!

Cada vez menos as pessoas querem sentir esse afeto!

Desaprendeu-se a se tocar, abraçar e afins!

Esse tipo de coisa parece irritar!

Já fui muito de toque. E confesso que entendo minhas amigas quando dizem que eu exagerava na dose!

Mas vejo que esse extremismo não faz bem a ninguém.

Tarde demais.

Também desacostumei de muita coisa.

Inclusive, de escrever.

Tô aqui, sem nem ouvir música (sempre ouvia algo para escrever) para maior inspiração...

Quem conhece meu estilo de escrita, sabe quando começam a surgir frases soltas!
Tipo... Quero dizer algo, mas não sei o que é, e por isso começo a enrolar e a escrever qualquer coisa!

São os famosos devaneios,que tanto bem me faziam, anos atrás, mas que hoje significam um bloqueio criativo do qual não consigo me livrar...

Queria escrever todos os dias! De verdade!

Principalmente pensando nas pessoas que todos os dias estavam por aqui.
Vez ou outra, surgiam comentários, oriundos do Facebook (lembram da ferramenta de postar comments aqui?), ora do próprio Blogger!

A verdade é que colocar aquele gadget aqui gerava um bom trampo.

Os desenvolvedores, ao invés de facilitarem a nossa vida de blogueiro, parece que gostam de caminhar ao contrário!

Por isso que a partir de hoje, deixo pra lá aquela ferramenta.

Gostou de algo que eu venha a publicar, comenta aí mesmo, no blog! 

Tem uma seção pra isso!

Nem sei quando será minha próxima publicação, sobre o que será ou algo assim!

Sempre vi a escrita como uma terapia pra mim! E é por isso mesmo que estou pensando em voltar a estar aqui!

Já pensei em abandonar as demais redes sociais. Mas, lendo uma reportagem, dias atrás, sobre "exclusão digital", fui lembrado de que não adianta querer regredir. A verdade é que esses novos meios de comunicação vieram pra ficar.

Hoje em dia, uso muito mais o Facebook do que meu e-mail, pra trocar mensagens!

MSN... Lembram dele? 
Nem o Skype tem a mesma força de antes.
A Microsoft tomou posse do coitado, e olha... Ficou ruinzinho mesmo, viu?
Altos bugs...

Bem... Uma coisa que quero que permaneça na minha página pessoal, por aqui: MÚSICA!

Amo! "Não vivo sem música", já dizia uma comunidade no finado Orkut!

E quando vi o vídeo que vou colocar aqui hoje, pela primeira vez, quis não gostar dele!

Sei lá... Não sei por quê, mas não fui muito com a cara dele, mesmo sendo engraçadinho!

Acho que foi a super produção que me chamou a atenção!

Trata-se de "Roar", da Katy Perry!

Lembram quando ela lançou "Wide Awake"?

Fiz questão de escrever sobre (clique aqui pra ler e assistir), por conta da mega produção! E pela música também!

Já essa mais recente... Sei lá! Não achei grande coisa, mas acho que vale a postagem.

Não vou prometer estar aqui todos os dias, pois tenho me cansado pakas nos últimos meses.
Já prometi (à vocês e à mim mesmo) e não consegui cumprir. Daí fica aquele sentimento de algo faltando...

Uma hora dessas postarei uma mensagem à minha inspiração, que tanto me ajudou nos posts mais antigos.

E quanto aos comentários via Facebook (que muitas vezes nem vinham existindo mais)...

Ok, vai! Vou colocar aqui a possibilidade de você que chegou aqui via rede do Zuckerberg poder dizer algo (ou não)!

Bem, minha gente, esse post foi um apanhado geral de muitos pensamentos e pela falta dos mesmos!

Agradeço sua visita, e espero que volte mais vezes.
Não tenho escrito tanto, mas já escrevi bastante!

Se você ainda não conhecia o blog, sinta-se à vontade para conhecer o conteúdo mais antigo!
E pra você que já é leitor(a) de longa data, mate a saudade e reveja posts! E, quem sabe, acompanhe o que escreverei aqui nos próximos dias. Mesmo cansado, me faz bem escrever.

Como já disse, é uma verdadeira terapia pra mim!

Com vocês, o clipe da selva, com ela, Srtª Perry!


Postar um comentário