sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

O caminho de volta prá casa.


Parece que foi ontem!
Lembro-me daquele dia em que me senti perdido, em meio ao parque de diversões, onde os adultos pareciam ser gigantes que não falavam nada com nada. Era tudo desencontrado.
Me sentia sózinho, sem a sua mão para me acolher... Sem os seus braços para me abraçar.

Tamanha solidão. Onde estava você, quando precisei tanto de sua presença?!

Hoje, anos mais tarde, entendo que nem tudo na vida é como a gente quer. Você não poderia estar lá comigo naquele dia, até porque nossas realidades eram muito diferentes. Nossos caminhos ainda não tinham se cruzado.

Tanta coisa teria sido diferente se estivesse comigo lá! Não me sentiria perdido como me senti... E mesmo se sentisse, saberia que alguém ali zelava por mim!

Caminho hoje por onde os brinquedos estavam. Lembro-me da roda gigante que, pela minha pequenez, parecia mais gigante ainda!
Lembro do choro baixinho que eu teimava em não deixar sair de dentro de mim. Mas lembro também do seu sorriso quando me encontrou! Lembro do seu abraço, do seu afago, e da sua voz dizendo "calma, eu estou aqui!"

Que saudade daquela cena!
Que saudade do seu cheiro!
Que saudade de sentir aquele abraço que me salvou dos meus medos infantis!

O vento balança uma flor! Uma igualzinha àquela que te dei naquele mesmo dia, em meio às lágrimas e com a emoção de dizer o quanto você era e o quanto você ainda seria importante na minha vida e na minha história!

O sorriso que você abriu! O beijo e o abraço que você me deu!
Os anos passam, mas jamais isso será apagado da minha memória!

Lembranças...

A vida toma rumos diferentes. Muitas vezes a violência das realidades não nos permitem estar próximos... Onde será que você está agora?! Fazendo o quê?!

Eu gosto tanto de você... Que até prefiro esconder!

Num radinho ao longe, toca uma música do Lulu Santos! A mesma que tocou no carro, quando me levaram de volta prá casa naquela noite onde todas as coisas era propícias para dar errado.

Mas ver você, e sentir a segurança da sua presença, a firmeza do seu olhar e o encanto do seu sorriso salvaram a minha história! Salvaram a minha vida!

Olho ao redor. Será que um dia você vai voltar?!
Será que um dia fará parte da minha realidade, da minha vida?!
Não sei. Se amanhã não for nada disso, caberá só a mim esquecer!

Esquecer?!

Jamais!!!

Você é simplesmente inesquecível!
Postar um comentário