quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

PAGE 47 OF 366: DEVANEIOS, SORRISOS, LÁGRIMAS E AFINS!

Às vezes me pego rindo comigo mesmo!
Coisas de alguém que valoriza demais as lembranças!
Será que por valorizar demais as lembranças, o passado, se esquece de viver o presente e pensar no futuro?!
Quem sabe?! Talvez...

A verdade é que cada um é feliz de um jeito!
Cada um vai seguindo seu caminho, de acordo com o tempo!

Tô aqui, ouvindo "The Corrs", lembrando (como sempre) das conversas, das risadas... Das preocupações...

Interessante, né?! Em determinados momentos da vida temos preocupações que amanhã serão motivos de risada! Mas que naquele tempo, eram tãããão sérias... Mas é isso!
Como sempre digo, a vida ensina! E é por isso que não vale a pena se matar por causa de uma determinada loucura momentânea, passageira!

O que te preocupa hoje, te fará sorrir amanhã! Independente do desfecho que se seguirá!

Sim! Porque com o tempo, a gente aprende que a maior dádiva da vida é simplesmente viver um dia de cada vez!

Sempre penso com os meus botões! Tenho comigo que, se tiver a graça e a benção de chegar lá nos meus 96 anos, com algum amigo hoje (esposa, quem sabe), conversarei com essa pessoa, perguntando "lembra quando tínhamos nossos vinte e poucos anos?! Como a gente se preocupava com tanta coisa, das quais hoje nós rimos?!"

Tenho certeza de que, assim como hoje, com 31 anos, olho prá trás e lembro de coisas que me preocupavam aos 18, olharei mais à frente assim também!

O saudoso Padre Léo sempre dizia: "Não importa a preocupação que você tenha hoje, que você esteja vivendo atualmente: ela vai passar! Preocupações passam! Problemas também!" Bem verdade isso!

Rir dos devaneios, dos sorrisos, das lágrimas de tristezas e nervosismos, e dos afins de cada dia!
Como é bom!
Sei quem nem todos vivem na mesma dimensão! O que é mágico pra mim, pode parecer perda de tempo para os outros... E isso chega a preocupar no início...

Mas depois você aprende que o que os outros pensam, ou pensaram... Nem era tão importante assim! Porque... Afinal de contas... Nem todos tem a capacidade de entender a grandeza da magia que vive dentro de cada um. Mas isso fica pra um outro dia!
Isso... Já é uma outra história...



Postar um comentário