domingo, 3 de agosto de 2008

O Tempo torna Sagrado

03h28. Esse é o segundo texto que crio com horário marcado! Não marcado para ser escrito! Mas marcado pelo fato de eu querer colocar a hora em que escrevi! Lá fora, a chuva cai! Pouca, mas cai!

Penso comigo que devo encontrar sempre um bom conteúdo para cativar você, para que se sinta especial ao ler!

Você me faz pensar tantas coisas! Sobre a vida, sobre Deus! Sobre amizades, relacionamentos, pessoas de perto, pessoas de longe...
Tenho tentado em vão expressar o que é a amizade para mim, o que significa pra mim ser seu amigo. Como já disse uma vez, as palavras empobrecem momentos especias de vez em quando! É por isso que, hoje, peço sua licença! Explico-me: Quero falar com você na medida do que você é para mim, minha melhor amizade! Contar pensamentos, sonhos (um homem não deixa de existir quando morre, e sim quando deixa de sonhar), realizações das quais você faz parte!

Quero demonstrar um pouco do que você me torna capaz, de fazer e enxergar poesia ao ver um lindo amanhecer, os pássaros que há muito cantam no céu (à julgar pelo horário que tenho acordado ultimamente! Me conheço, e sei que você me conhece também! Vira e mexe falarei de você aqui, até porque estou falando com você mesmo! Amiga nas horas de rir, nos momnetos de repensar, refletir, que me faz pensar, repensar, refletir... Dizia o Dunga, ano passado, "Quem tem um amigo, tem um tesouro!" Tesouro precioso esse!

Você me faz ver a vida de um jeito diferente, e quero ter a chance de demonstrar isso! Responsável és por essa façanha! Por isso, agradeço!

Sei que pode estar pensando que eu deveria estar dormindo à essa hora, e que por estar acordado até agora, é que eu durmo até tão tarde! Mas não consegui dormir ainda! E não quero prender palavras dentro de mim! Não posso fazê-lo!

Descrevo o ambiente!
Acabei de assistir ao final da segunda temporada da série One Tree Hill. Estou ouvindo o Keane, na Last.fm. Estranho, mas é assim mesmo que se escreve, acabei de conferir! E queria não deixar de atualizar o blog! Consequentemente o Recando das Letras também, onde tantos acompanham a jornada de nossa amizade e de nossas vidas em palavras!

Que dádiva poder escrever! Poder falar, pelo menos um pouquinho do que sentimos, ou pelo menos tentar expressar, sem, no entanto, empobrecer o que dizemos ou sentimos!
Bem-vinda à minha vida prá sempre! Quisera que as pessoas pudessem, na vida, descobrir o maravilhoso conteúdo de um livro ao abrí-lo. Julgamos muito pela capa. Tá certo que existem capas maravilhosas! Mas isso é outro assunto, prá outro dia, prometo! Pode me cobrar! É só "chegar em mim" e dizer: "Quero que fale sobre os livros e suas capas!" - Buscarei fazê-lo no mesmo dia!

Pois é! Madrugada adentro, aqui estou eu, escrevendo para você ler não sei que hora do dia! Mas o importante é que sei que você irá ler!

Pensei em dizer em acreditar, mas sei que você acredita! E essa foi a maior alegria para mim nessa semana que passou! Sim, porque hoje é domingo, começa tudo de novo! Mais uma semana para sermos amigos, sermos irmãos, sermos companheiros na caminhada, descobrindo à cada dia a amar mais a vida, as realidades que nos cercam, aqueles que nos amam de verdade, sem esperar nada em troca, e que beleza amar sem orgulho! Difícil tarefa para qualquer ser humano!

Do Keane, passei pra Kate Voegele! Bela voz!

Mas nem tanto como a que ouvi hoje! Rsrsrs!!! De verdade! Na forma e no conteúdo, pois canta as maravilhas, as belezas e as graças de Deus!

Permita-me, então, contemplar a vida pelos olhos de nossa amizade! Assunto é o que não faltará nunca!

E obrigado por me fazer enxergar mais bonito, mais longe, na minha vida e nas minhas capacidades, há muito adormecidas! Estarei eternamente em débito com você!

Nos vários capítulos que a história de minha vida tem, você é protagonista de muitas lindas histórias, cada uma no seu devido tempo e situação! E você sabe! Ocupará sempre um lugar especial no meu coração! E isso, nem o tempo, e nem ninguém, nem nenhuma situação ou acontecimento, poderá apagar!


O Tempo torna Sagrado!

Bem-vinda à minha vida prá sempre!


Postar um comentário